Leia este artigo em:

China: a produção de carne de porco diminuiu 5,5%

A produção de carne de porco diminuiu 5,5%, com um total de 24,7 milhões de toneladas.

2ª feira 22 Julho 2019 (há 28 dias)
gosto

De acordo com os dados publicados pelo Instituto Nacional de Estatísticas, na primeira metade deste ano a produção de carne atingiu os 39,11 milhões de toneladas, uma redução de 2,1% em relação ao ano anterior. Se bem que tenha havido aumentos para a produção de carne de bovino, ovino e frango, a produção de carne de porco diminuiu 5,5%, com uma descida de 6,2% no número de porcos abatidos e uma produção total de carne de 24,7 milhões de toneladas, menos 1,43 milhões de toneladas que no mesmo período do ano anterior.

A diminuição na produção de carne é consequência directa da forte diminuição do efectivo de suínos em função da Peste Suína Africana que afecta o país desde Agosto de 2018. Em finais do mês de Junho, o efectivo situou-se nos 348 milhões de suínos, menos 61,43 milhões de cabeças, o representa uma descida de 15%.

Terça-Feira, 16 de Julho de 2019/ National Bureau of Statistics of China/ China.
http://www.stats.gov.cn

ver mais artigos relacionados com o artigo

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags

Última hora

Um boletim periódico de notícias sobre o mundo suinícola

Não estás inscrito na lista

02-Ago-201926-Jul-201919-Jul-201912-Jul-2019

faz login e inscreve-te na lista

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui