Leia este artigo em:

Suporte nutricional rápido através da água de bebida

O fornecimento adicional de nutrientes através da água é uma ferramenta rápida em períodos de stress.

2ª feira 2 Setembro 2019 (há 2 meses 11 dias)
gosto

Nos ciclos vitais de cada animal há períodos com maiores necessidades nutricionais. Para qualquer animal é vantajoso poder receber um apoio nas fases de crescimento rápido, doença, tratamento veterinário ou durante as vacinações. Além disso, em certas fases de stress, como sejam as épocas de calor, transportes ou alterações de dieta, reduz-se a ingestão de ração. O fornecimento adicional de nutrientes através da água de bebida compensa estas carências e dá um aporte rápido.

Com uma selecção apropriada de produto e uma administração correcta, é possível ajudar a saúde intestinal e a defesa imunitária. É muito importante a correcta limpeza e desinfecção das canalizações da água de bebida, não só nos períodos com animais como também nos de vazio sanitário.

Benefícios da administração na água

A água é o alimento mais importante para os animais e os porcos consomem uma grande quantidade ao longo da sua vida. Para assegurar o bem-estar dos nossos animais, devemos fornecer água em abundância e de elevada qualidade. A administração de substâncias na água de bebida está a ganhar importância nos suínos e nos bovinos, enquanto que já é uma prática habitual nas explorações avícolas na maioria dos países. As substâncias mais utilizadas na água são, a larga distância, as medicações prescritas pelos veterinários, ainda que haja uma ampla gama de aditivos nutricionais que podem ser administrados, como sejam as vitaminas, os aminoácidos, os minerais, os ácidos orgânicos, os probióticos e, inclusivamente, óleos essenciais (fig. 1).

Figura1: Possíveis opções via água de bebida.
Figura1: Possíveis opções via água de bebida.

Isto comporta uma série de benefícios:

  • O uso de aditivos na água permite um controlo total sobre o seu uso por parte do pessoal da exploração. O tipo, a dosagem e a duração podem ser ajustados para se ajustarem melhor às necessidades dos animais.
  • A administração realiza-se de forma rápida e os aditivos ficam disponíveis quase de imediato para os animais. A suplementação via ração é mais lenta já que primeiro há que fazer o pedido à fábrica de rações e esperar que a produzam e a enviem. Nem sempre podemos esperar tanto tempo.
  • Sabe-se que os animais doentes reduzirão, o irão parar, a sua ingestão de ração antes de deixarem de beber, pelo que ainda se lhes pode administrar medicação através da água de bebida.

Ainda que a administração através da água tenha muitas vantagens, há alguns pontos que se devem ter em conta:

  • Um bom sistema de distribuição de água tem que estar bem desenhado
  • Há que investir nos sistemas de limpeza e doseamento
  • A frequência e a qualidade dos suplementos têm influência no risco da formação de biofilme
  • Os aditivos podem obstruir os bebedouros tipo chucha

Para poder administrar produtos de forma eficaz na água de bebida, estes devem estar tecnicamente bem desenhados e produzidos. Deve-se assegurar uma boa solubilidade tanto com produtos líquidos como em pó. Os produtos em pó solúveis na água devem ser misturas homogéneas com uma fluidez excelente e que gerem muito pouco pó. Os produtos líquidos com ingredientes lipossolúveis ou óleos essenciais utilizam-se como emulsão que se deve poder dissolver sem deixar resíduos.

A combinação de vitaminas é uma prática comum

A administração combinada de vitamina A, D3 e E na água de bebida é uma prática habitual para ajudar os animais nas etapas de altas necessidades. Realizou-se o seguinte ensaio em 41 porcas próximo do desmama (condição corporal, número de parto e espessura de gordura dorsal similares), que se dividiram aleatoriamente em dois grupos. No grupo experimental, cada reprodutora recebeu 10 ml de uma combinação de vitamina A, D3 e E na água de bebida desde o dia anterior até 2 dias após o desmame (4 dias no total). Os resultados (fig. 2) mostraram que a suplementação de vitaminas encurtou consideravelmente o intervalo desmame-cio. Quase 50% das porcas do grupo experimental apresentaram cio nos quatro dias posteriores ao desmame.

Figura 2: Percentagem de porcas que apresentam cio nos 8 dias posteriores ao desmame.
Figura 2: Percentagem de porcas que apresentam cio nos 8 dias posteriores ao desmame.

Suporte rápido, especialmente para a saúde intestinal e para o tracto respiratório

Analisando o uso de antibióticos para porcos na Europa, vemos que 31% se usam para problemas digestivos, 31% para problemas respiratórios e 17% para infecções devidas a Streptococcis suis (De Briyne et al., 2014). Em períodos de doença, reduz-se a ingestão de ração mas, contudo, mantém-se a ingestão de água, pelo que a administração via água é especialmente importante nestes momentos. Os aditivos estabilizadores da flora intestinal, como os probióticos, em combinação com vitaminas e oligominerais ou produtos ácidos podem ser uma opção para reduzir a pressão ou serem utilizados como ferramenta preventiva. Os óleos essenciais como a menta, eucalipto ou mentol actuam no tracto respiratório e irão ajudar o animal. Além disso, também é interessante o seu uso como apoio aos leitões sãos; as doses basais ajudarão os leitões durante todas as etapas da sua vida.

A suplementação na água dá, ao produtor, uma grande flexibilidade e a possibilidade de reagir rapidamente em situações de elevada necessidade. A gama de suplementos para a água é amplia, é importante averiguar que produto tem o modo de acção desejado para solucionar cada problema concreto ou para dar um apoio adequado.

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags