Leia este artigo em:

Efeito da vacinação contra a infecção sub-clínica por PCV2 em exploração com elevado estatus sanitário

O propósito do presente estudo foi avaliar o efeito da vacinação contra PCV2 numa exploração de engorda com elevado status sanitário e infectada de forma sub-clínica em termos de carga viral no soro, conversão alimentar e tratamentos antimicrobianos

Domingo 12 Novembro 2017 (há 29 dias)

Durante a última década, a manifestação clínica das infecções por circovírus suíno tipo 2 (PCV2) variou principalmente do síndrome de falta de crescimento multi-sistémico pós-desmame e elevada mortalidade a infecções sub-clínicas que se manifestam apenas através da deterioração dos parâmetros produtivos. No entanto, a co-infecção com outros agentes patogénicos respiratórios resulta frequentemente num maior efeito sobre a produção, por vezes com sinais clínicos. Mas pouco se sabe sobre o impacto de uma infecção de PCV2 de nível moderado sem co-infecções, particularmente em termos de taxa de conversão e consumo de antimicrobianos.

O propósito do presente estudo foi avaliar o efeito da vacinação contra PCV2 numa exploração de engorda com elevado status sanitário e infectada de forma sub-clínica em termos de carga viral no soro, conversão alimentar e tratamentos antimicrobianos. O estudo foi realizado como um ensaio de campo clínico aleatorizado com um desenho de grupo paralelo.

A vacinação contra PCV2 reduziu significativamente a prevalência de grupos com soros PCV2-positivos, de 91% no grupo controlo a 6% no grupo vacinado, assim como a carga viral para os grupos positivos de 5,79 para 3,99 log (10) cópias por ml de soro. Apesar disso, o índice de conversão alimentar para os dois grupos não foi significativamente diferente, com uma média de 2,75 e 2,76 para os porcos vacinados e controlo, respectivamente. A proporção de porcos tratados através de injecção com um antimicrobiano foi menor no grupo vacinado (4,4%) em comparação com o grupo não vacunado (5,6%), mas a diferença não foi significativa.

Em conclusão, nesta exploração sem co-infecções respiratórias e com cargas virais moderadas de PCV2, a vacinação reduziu significativamente a prevalência e a carga viral dos porcos positivos para PCV2, mas não teve um impacto significativo no índice de conversão ou no consumo de antimicrobianos.

Nielsen GB, Nielsen JP, Haugegaard J, Denwood MJ, Houe H; Effect of Vaccination against Sub-Clinical Porcine Circovirus Type 2 Infection in a High-Health Finishing Pig Herd: A Randomised Clinical Field Trial; Prev Vet Med. 2017 Jun 1;141:14-21. doi: 10.1016/j.prevetmed.2017.04.003. Epub 2017 Apr 15.PMID: 28532989 DOI: 10.1016/j.prevetmed.2017.04.003

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags