Leia este artigo em:

Uso de butirato de sódio em porcas lactantes e leitões

Os efeitos benéficos ao suplementar as porcas com butirato de sódio apresentam discrepâncias na literatura.

5ª feira 25 Maio 2017 (há 1 anos 11 meses 28 dias)
gosto

O butirato é um ácido gordo de cadeia curta produzido pela fermentação microbiana no intestino grosso. Foi demonstrado que o butirato sódico beneficia o rendimento dos leitões, o desenvolvimento intestinal, a função imunitária e, potencialmente, previne a infecção por E. Coli, Enterococcus e Salmonella. No entanto, os efeitos benéficos ao suplementar as porcas apresentam discrepâncias na literatura.

Foram realizadas três experiências para avaliar o efeito da suplementação de butirato sódico encapsulado (CSB) nas porcas, durante o periparto-lactação e nos leitões nas baterias, sobre o rendimento durante a lactação e o crescimento dos leitões.

Na Exp. 1, um total de 43 porcas gestantes (dias 81-92 de gestação) a 0 (n = 15), 500 (n = 16) ou 1000 (n = 12) ppm do suplemento de CSB, baseando-se na raça, paridade e peso vivo. Foram oferecidas as dietas tratamento até ao desmame. Nas Exp. 2 e 3, um total de 144 leitões desmamados (72 para cada Exp.) procedentes das porcas dos tratamentos 0 ou 1000 ppm de CSB da Exp. 1, foram distribuídos em grupos a níveis de 0, 500 ou 1000 ppm de suplementação de CSB nas dietas de transição, igualados por raça e peso num desenho multifactorial durante 35 dias. Todos os leitões da Exp. 2 foram injectados com ovoalbumina ao desmame e 14 dias depois do desmame como desafio imunitário.

Na Exp. 1, não foram observadas diferenças no peso da porca, tamanho da ninhada, peso da ninhada, consumo durante a lactação ou composição do leite entre os tratamentos. No entanto, as concentrações de IgG e IgA em colostro tenderam a aumentar quadraticamente à medida que aumentaram os níveis de suplementação. Na Exp. 2, os porcos procedentes das porcas tratadas com 1.000 ppm de CSB apresentaram um maior peso aos 35 dias, ganho médio diário (GMD), consumo médio diário (CMD) e uma tendência para o índice de conversão (IC) que os do tratamento 0 ppm de CSB. Para os leitões das baterias, o GMD e o CMD (tendência) aumentaram linearmente com os níveis de suplementação ao passo que o IC teve uma resposta quadrática negativa (tendência). Na Exp. 3, o IC entre os dias 0 e 14 após o desmame tendeu a ser mais baixo para os leitões procedentes de porcas alimentadas com o tratamento de 1.000 ppm relativamente aos procedentes de porcas não suplementadas, enquanto que o peso, GMD e CMD para todo o periodo de 35 dias se reduziu linearmente com a suplementação.

Em conclusão, a suplementação de CSB tendeu a aumentar as concentrações de IgG e IgA no colostro e melhorar o rendimento e crescimento dos leitões em desafio imunitário.

Jang, Y. D., Lindemann, M. D., Monegue, H. J., and Monegue, J.S. (2017). The effect of coated sodium butyrate supplementation in sow and nursery diets on lactation performance and nursery pig growth performance. Livestock Science, 195, 13-20. http://dx.doi.org/10.1016/j.livsci.2016.11.005

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags