Leia este artigo em:

Efeito do uso de "creep feed" e dietas starter no rendimento e estrutura intestinal dos leitões

O objectivo do presente estudo foi investigar o impacto do consumo de "creep feed" durante a lactação e de diferentes dietas de iniciação na estrutura intestinal de leitões e o desempenho de crescimento ao longo da vida.

5ª feira 20 Dezembro 2018 (há 8 meses 1 dias)
gosto

Apesar de o consumo de "creep feed" ser muito variável, o uso deste alimento aumenta o consumo de ração e o ganho peso após o desmame, o que sugere que o consumo de "creep feed" pode familiarizar os leitões com uma dieta sólida.

O objectivo do presente estudo foi investigar o impacto do consumo de "creep feed" durante a lactação e de diferentes dietas de iniciação na estrutura intestinal de leitões e o desempenho de crescimento ao longo da vida.

Para este propósito, foram utilizados um total de 320 porcos desmamados (Landrace × Large White) num desenho factorial 2×2. No momento do desmame, foram seleccionados 160 leitões que tinham sido alimentados com "creep feed" durante a lactação e 160 que não e foram colocados em uma de duas dietas starter: grupo de baixo nível (LL) que recebeu 2 kg/porco de dieta starter ou dieta de alto nível (HL) com 6 kg/porco de dieta starter. Ao desmame e às 1 e 3 semanas após o desmame, foram abatidos 8 leitões por tratamento e foi avaliada a morfologia do intestino delgado (altura das vilosidades e profundidade das criptas).

A ingestão de alimentos aumentou nos leitões que consumiram "creep feed" durante a primeira semana após o desmame, embora nenhum efeito de consumo tenha sido observado no crescimento ou na estrutura intestinal do leitão durante o período após desmame. Foram observados maior GMD e peso corporal desde o desmame até as 16 semanas após o desmame nos leitões alimentados com a dieta HL, assim como uma menor conversão alimentar (FCR) do desmame às 6 semanas após o desmame. Além disso, os leitões alimentados com a dieta inicial HL após o desmame também apresentaram maior altura das vilosidades e maior profundidade de criptas em comparação aos leitões LL em 3 semanas após o desmame.

O estudo conclui que o uso de "creep feed" durante a lactação aumentou o consumo de ração imediatamente após o desmame, sugerindo uma melhor capacidade dos leitões em lidar com o desmame. No entanto, o consumo de "creep feed" não teve efeito sobre o desempenho de crescimento dos leitões. O fornecimento de dieta starter a leitões com 6 kg melhorou o desempenho de crescimento dos leitões durante a fase de crescimento e engorda, provavelmente melhorando a estrutura intestinal após o desmame.

Muns, R., and Magowan, E. The effect of creep feed intake and starter diet allowance on piglets' gut structure and growth performance after weaning. Journal of Animal Science 96.9 (2018): 3815-3823. https://doi.org/10.1093/jas/sky239

Artigos relacionados

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags