Leia este artigo em:

Dinamarca: consumo de antibióticos na produção animal

A diminuição foi impulsionada, principalmente, devido ao uso de antimicrobianos para porcos, que foi menos 4% que no ano anterior.

5ª feira 12 Outubro 2017 (há 2 meses 4 dias)

O uso total de antimicrobianos para animais em 2016 ascendeu a 104,4 toneladas de princípio activo, menos 5% que em 2015 e representa uma diminuição pelo terceiro ano consecutivo. A diminuição deveu-se, principalmente, à redução do de antimicrobianos para porcos, que foi inferior 4% do que no ano anterior. Em particular o uso de tetraciclinas para porcos, que se tem reduzido de forma consistente desde 2013.

Em 2016, o uso de antimicrobianos para porcos, gado bovino, animais para produção de peles e aves representou, aproximadamente, 75%, 12%, 5% e 2% do consumo total de antimicrobianos para animais, respectivamente. A diminuição total no uso de antimicrobianos para animais atribuiu-se, principalmente, a uma diminuição de 3% na quantidade utilizada na suinicultura, que é o principal impulsionador do consumo de antimicrobianos em animais na Dinamarca devido à sua dimensão.

O uso de antimicrobianos de importância crítica em animais produtores de alimentos permaneceu baixo, se bem que o uso de colistina para porcos tenha aumentado em 40 kg em 2016. O uso de colistina em animais produtores de alimentos é motivo de preocupação, já que se têm tornado cada vez mais importantes como antimicrobiano de último recurso na medicina humana.

Consumo de antimicrobianos em porcos

Em 2016, o consumo total de antimicrobianos em porcos (porcas e leitões, leitões desmamados e porcos de crescimento e engorda) foi de 78,2 toneladas de princípio activo, o que representa uma diminuição de 3,3 toneladas (4%) em comparação a 2015.

Consumo de antimicrobianos (a) na produção suína, e distribuição por grupos etários, Dinamarca
Consumo de antimicrobianos (a) na produção suína, e distribuição por grupos etários, Dinamarca

Medido em DAPD (Dose diária de animal definida (DADD) por 1000 animais por dia), o uso de antimicrobianos em porcos foi menos 27% em 2016 do que em 2009, quando se ajustou às alterações nas exportações.

Em geral, a diminuição observou-se, principalmente, para as tetraciclinas, pleuromutilinas e penicilinas sensíveis a beta-lactamase. A tetraciclina foi um dos antimicrobianos mais utilizados na produção suína dinamarquesa durante mais de uma década. Administra-se quase exclusivamente por via oral e se utiliza especialmente para o tratamento de doenças gastro-intestinais em animais desmamados e engorda. O uso total de tetraciclinas na produção suína flutuou entre 2009 e 2013, mas desde então diminuiu e em 2016 observaram-se os níveis mais baixos de DAPD desde 2005. Medido em DAPD, o uso de tetraciclinas para todos os grupos de idade se reduziu em 8% de 2015 para 2016 e diminuiu 35% desde 2009. A proporção de porcos desmamados sob tratamento com tetraciclina, em média, num determinado dia, diminuiu de aproximadamente 5% em 2009 para cerca de 3% em 2016.

Se bem que o consumo total de antimicrobianos para porcos tenha diminuido quase sistematicamente desde 2009, o uso de colistina em porcos aumentou mais do dobro, passando de 409 kg em 2009 para 864 kg em 2016, dos quais 752 kg foram utilizados em leitões desmamados. Ainda que o uso de colistina constitua uma fracção muito pequena do consumo total de antimicrobianos em porcos (aproximadamente 1% em 2016), o aumento tem implicações potenciais para a saúde humana. Dos agentes antimicrobianos de importância crítica, o uso de fluoroquinolonas e cefalosporinas foi próximo de zero em 2016.

Outubro de 2017/ DANMAP/ Dinamarca.
https://www.danmap.org

Última hora

América Central consome mais carne de porco12-Out-2017 há 2 meses 4 dias

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags

Última hora

Um boletim periódico de notícias sobre o mundo suinícola

Não estás inscrito na lista

15-Dez-201707-Dez-201730-Nov-201724-Nov-2017

faz login e inscreve-te na lista

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui