Leia este artigo em:

Biofilme: cavalo de Tróia das bactérias patogénicas no sistema de água de bebida

O biofilme, "a sujidade dos canos", causando sérios problemas nas condições e qualidade do abastecimento de água, é o protagonista deste artigo.

Quem beberia água de um recipiente sujo? Eu não. Os riscos higiénico-sanitários e a alteração das suas condições organolépticas, como sabor, cheiro e / ou cor, tornam-no pouco apetecível.

Não há diferenças quando transferimos a questão para a produção de porcos. Neste caso, o "recipiente" é composto pelo tanque de armazenamento, pelos canos e pelos bebedouros.

O principal risco decorrente da falta de manutenção higiénico-sanitária do tanque e dos tubos é o biofilme.

Os biofilmes são comunidades complexas de microrganismos - de uma ou várias espécies - que crescem impregnadas numa matriz polimérica autogerada e aderidas a uma superfície inerte ou viva. Essas formações aumentam a probabilidade de contaminação da água e são vector de transmissão de patologias, razão pela qual constituem um risco óbvio para a saúde dos nossos porcos.

Além disso, o biofilme pode interferir na administração de medicamentos, reduzir o diâmetro dos tubos e obstruir os bebedouros.

Desenvolvimento de biofilmes

O desenvolvimento do biofilme é uma forma comum de crescimento bacteriano na natureza. Sob condições ambientais correctas, a maioria dos microrganismos é capaz de formar biofilmes.

A formação de biofilme é um processo dinâmico e complexo que pode ser dividido em cinco fases:

  • Fase 1. Aderência reversível das bactérias à superfície. União fraca das bactérias com o substrato que ocorre em apenas 1 minuto.
  • Fases 2 e 3. Adesão irreversível à superfície, com um estágio inicial de crescimento e divisão com produção de um exopolímero protector e o desenvolvimento final da colónia com dispersão de células colonizadoras. Ligações irreversíveis são formadas num período entre 20 minutos e 4 horas.
  • Fase 4. Crescimento e maturação. As células bacterianas resultantes formam uma microcolónia em torno do local de união. Se as condições forem adequadas, será desenvolvida uma colónia organizada. Ao longo da etapa de maturação, o biofilme se adapta à presença de nutrientes, oxigénio e mudanças populacionais. Estima-se que o desenvolvimento desta fase seja de 2 a 4 dias.
  • Fase 5. Difusão de células colonizadoras. Finalmente, algumas bactérias da matriz do biofilme são libertadas para colonizar novas superfícies, fechando ou iniciando o ciclo.

O processo de formação, aderência, maturação, dispersão e recuperação do biofilme,
desenvolve-se em apenas 5 dias.

As cinco fases da formação de biofilmes. Fonte: http://www.emerypharmaservices.com/
As cinco fases da formação de biofilmes. Fonte: http://www.emerypharmaservices.com/

Biofilmes: estratégia de sobrevivência das bactérias

O crescimento do biofilme aumenta a capacidade de sobrevivência das bactérias através de mecanismos como:

  1. age como um "escudo" que protege os microrganismos de elementos como biocidas ou antibióticos e reduz as possibilidades de desidratação;
  2. aumenta a disponibilidade de nutrientes para o crescimento bacteriano;
  3. permite a transferência de material genético (DNA).

Controlo e eliminação de biofilmes

As bactérias aderidas são muito mais resistentes aos biocidas e aos métodos convencionais de limpeza do que as que se encontram em suspensão.

O controlo e a eliminação do biofilme devem ser um ponto crítico de controlo. É essencial seguir um protocolo adequado, tanto na presença de animais como durante o vazio sanitário.

Foi observado que a limpeza com álcalis é
mais eficaz do que limpar com ácidos para eliminar o biofilme.

O protocolo de manutenção higiénica do sistema de distribuição de água deve ser realizado utilizando produtos específicos para este uso.

Os biofilmes são, em suma, proteínas e gorduras aderidas a uma superfície, portanto, temos que usar produtos que eliminem a tensão superficial - adesão - e que sejam eficazes com proteínas e gorduras e adequados para tratar a água potável. No mercado existem produtos alcalinos formulados especificamente para estes usos, produtos à base de hidróxido de sódio e agentes dispersantes de alta solubilidade que atingem um efeito detergente na tubagem, destacando o biofilme. Os tratamentos com este tipo de produtos, quando realizados na presença de animais, não devem ser prolongados por mais de 48-72 horas, pois produzem um aumento no pH da água.

Para garantir que os tubos da exploração sejam mantidos limpos, a limpeza periódica na presença de animais deve ser combinada com a limpeza em vazio sanitário.

Deve ser SEMPRE realizada uma limpeza das tubagens no final de qualquer tratamento medicamentoso

Conclusão

Nunca deve considerado que a qualidade da água que é introduzida num sistema de abastecimento permanece inalterada até atingir o ponto de consumo: a acção dos microrganismos presentes nas paredes dos tubos - biofilme - produz uma deterioração na qualidade da água, reduz a capacidade hidráulica dos tubos, acelera a corrosão e dificulta o tratamento desinfetante da água e a administração de tratamentos com antibióticos, e claro, pode ser um vector para a transmissão de doenças.

A implementação de um protocolo de manutenção higiénico-sanitária adequada nas tubagens, com produtos autorizados para tal uso, tanto na presença de animais como durante o vazio sanitário, é a ferramenta adequada para garantir o controlo e a eliminação dos biofilmes.

Por fim, há que ressaltar que o desenho higiénico dos sistemas de distribuição de água é a melhor medida preventiva para o controlo e eliminação do biofilme, favorecendo que não seja formado e facilitando a manutenção higiénico-sanitária do sistema.

Produtos relacionados na Loja Agro-Pecuária

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags