Leia este artigo em:

Vírus da Gripe A nas explorações suínas de produção de leitões

Os vírus da Gripe A (IAV) são endémicos nos porcos e representam um risco para a saúde pública. No entanto, há pouca informação sobre a diversidade genética dos IAV suínos nas explorações de produção de leitões.

Domingo 10 Setembro 2017 (há 12 dias)

Neste estudo longitudinal foram analisadas 5 explorações de produção de leitões durante um ano e foram recolhidas 4.190 zaragatoas nasais individuais de três sub-populações de porcos diferentes. Do total, 207 (4,9%) amostras foram positivas para IAV através de PCR e foram isolados 124 IAVs. O genoma completo de 123 isolados foi sequenciado, tendo-se encontrado 31 H1N1, 26 H1N2, 63 H3N2 3 3 IAVs misturados. Com base na hemaglutinina IAV foram identificados sete grupos diferentes do vírus da Gripe A (VGs). A maioria dos segmentos restantes de genes do IAV permitiram diferenciar os VGs, se bem que se tenha identificado um grupo viral adicional para o segmento génico 3 (PA). Por outro lado, a co-detecção de mais de um IAV VG foi documentada a diferentes níveis (exploração, sub-população e porcos individuais), destacando o meio ambiente como meio potencial de recombinação do IAV. Além disso, em três das cinco explorações foram detectados isolados de IAV (n=5) com segmentos génicos de mais de um VG e 79% de todos os IAVs sequenciados continham a assinatura mutacional (S31N) no gene associado à resistência ao antiviral amantadina. Nas explorações, os IAVs apenas foram detectados uma vez enquanto que em outras foram detectados durante 283 dias.

Os resultados deste estudo ilustram como se mantêm e remetem os diferentes IAV dentro das explorações suínas de produção de leitões ao longo do tempo, o que mostra que a dinâmica das sub-populações de porcos é importante para compreender melhor a diversidade e epidemiologia dos IAV suínos.

IMPORTÂNCIA: À escala mundial, os porcos são uma das principais espécies reservatório para os vírus da Gripe A (IAV) e jogam um papel chave na transmissão dos IAVs entre espécies. Além disso, a pandemia do IAV em 2009 destacou o papel dos porcos no aparecimento de IAVs com potencial pandémico. No entanto, está disponível informação limitada sobre a diversidade e distribuição dos IAV suínos nas explorações de produção de leitões, nas quais podem surgir novos IAV. Este estudo mostra a complexa distribuição e diversidade dos IAV entre as sub-populações de porcos estudadas. Os resultados demonstram a evolução dinâmica dos IAV nas explorações de produção de leitões, crucial para melhorar as intervenções sanitárias para reduzir o risco de transmissão entre os porcos e do porcos para as pessoas.

Diaz A, Marthaler D, Culhane M, Sreevatsan S, Alkhamis M, Torremorell M; Complete Genome Sequencing of Influenza A Viruses within Swine Farrow-to-Wean Farms Reveals the Emergence, Persistence, and Subsidence of Diverse Viral Genotypes; J Virol. 2017 Jun 28. pii: JVI.00745-17. doi: 10.1128/JVI.00745-17.

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags