Leia este artigo em:

Espanha: o sector suinícola reduz as emissões de amoníaco

O sector suinícola reduz em 50% as emissões de amoníaco por quilo de carne produzido.

2ª feira 17 Setembro 2018 (há 1 meses 6 dias)
gosto

De acordo com o Interporc, o sector suinícola espanhol reduziu, nos últimos anos, 47% as emissões de amoníaco por quilo de carne produzida, de acordo com os dados do Inventário Nacional de Emissões de Contaminantes Atmosféricos 1990-2016, publicado pelo Ministério de Agricultura, Pesca y Alimentación.

Assim, os números reflectem que no ano 1990 o sector suinícola emitia 1 quilotonelada de amoníaco por cada 26500 quilos de carne produzidos, enquanto que no ano 2016, com a mesma quantidade de carne produzida, emite menos de 0,53 quilotoneladas, uma redução importante derivada das medidas adoptadas ao longo destes anos pelas explorações espanholas.

Do mesmo modo, nesse período também diminuíram 54,7% por quilo produzido as emissões de metano provenientes da gestão de estercos, de acordo com os dados do Relatório de Inventários GEI 1990-2016.

Quinta-Feira, 30 de Agosto de 2018/ Interporc/ Espanha.
https://interporc.com

Notícias

Notícias da Instalações

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags

Última hora

Um boletim periódico de notícias sobre o mundo suinícola

Não estás inscrito na lista

19-Out-201812-Out-201804-Out-201828-Set-2018

faz login e inscreve-te na lista

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui