Virginia Aragón

Virginia Aragón
31Panos V.adriancivil2014PachecoJuan HernandezCarloslocadi

CReSA - UAB. Espanha

Virginia Aragón licenciou-se na Faculdade de Ciências Biológicas da Universidade de Navarra em 1990. Posteriormente, doutorou-se pela mesma Universidade, onde realizou a sua tese sobre Brucella no Departamento de Microbiologia sob a orientação do Dr. Moriyón (1994). No ano 1996 viajou para os Estados Unidos onde trabalhou nos laboratórios do Dr. Dreyfus (U. of Missouri-Kansas City), Dr. Cianciotto (Northwestern University Medical School-Chicago) e Dr. Hansen (U. de Texas-Southwestern University Medical Center-Dallas), em diferentes aspectos de patogenicidade bacteriana.

Desde 2003, a Dra Aragón trabalha no Centre de Recerca en Sanitat Animal (CReSA), que é o programa de sanidade animal do IRTA. Estabeleceu-se como investigadora principal na área das infecções respiratórias suínas. A sua investigação no IRTA centrou-se na caracterização genómica e funcional do Haemophilus parasuis, incluindo os mecanismos moleculares de patogenicidade. Actualmente está a liderar um projecto orientado para a definição da microbiota respiratória e o seu papel na manutenção da sanidade suína. O objectivo final dos seus estudos é o controlo das doenças respiratórias suínas por métodos alternativos aos antibióticos, como a vacinação e os probióticos. Os resultados dos seus estudos foram publicados em 46 publicações internacionais SCI nas áreas da Veterinária e da Microbiologia, um capítulo do livro Diseases of Swine, mais de 50 comunicações em congressos científicos e vários artigos de divulgação e palestras técnicas. Participou em 16 projectos de investigação, em 4 deles como investigadora principal. Ainda dirigiu 4 teses de doutoramento e 8 trabalhos de mestrado. Também supervisiona estudantes visitantes de outros laboratórios.

Curriculum actualizado: 25-Mai-2016

Artigos