Joaquim Segalés

Joaquim  Segalés
52Hector Velascomiii91Irisbreitingerjumalo54Juan Hernandez

CReSA - UAB. Espanha

http://www.cresa.cat

Joaquim Segalés i Coma nasceu em Vic (Barcelona) em 1968, e licenciou-se na Faculdade de Veterinária da Universitat Autónoma de Barcelona (UAB) em 1991. Posteriormente doutorou-se em Veterinária em 1996 pela mesma Universidade depois de ter estado 15 meses na Universidade de Minnesota (UM) nos Estados Unidos, e ser co-dirigido pelos Drs. Mariano Domingo (UAB) e Carlos Pijoan (UM). No ano 2000 conseguiu o diploma do European College of Veterinary Pathology (ECVP). No ano 2004 diplomou-se pelo European College of Porcine Health and Management (ECPHM), do qual é membro fundador e actual vice-presidente. É professor titular do Departament de Sanitat i d' Anatomia Animals da Faculdade de Veterinária da UAB, onde é docente no âmbito da anatomia patológica e da clínica suína. Actualmente também é director do Centre de Recerca en Sanitat Animal (CReSA), localizado na própria UAB.

O Dr. Segalés participou em múltiplos projectos de investigação, nacionais e de âmbito Europeu, especialmente versados em diferentes doenças do porco, bem como em convénios de colaboração com empresas do sector tanto nacionais como internacionais. Entre as linhas de investigação onde participou ou participa na actualidade deve-se destacar o vírus do síndroma respiratório e reprodutivo suíno (PRRSV), Haemophilus parasuis, vírus da Doença de Aujeszky (ADV), Mycoplasma hyopneumoniae, vírus da hepatite E (HEV), torque teno sus virus e doenças associadas ao circovirus suíno tipo 2 (PCV2). Deve-se destacar que o Dr. Segalés participou na primeira descrição em Espanha do síndroma de emagrecimento multissistémico pós-desmame ou circovirose suína em 1997 e do síndroma de dermatite e nefropatia suíno em 1996. Fruto destas investigações, é co-autor de mais de 200 artigos em revistas científicas internacionais, bem como coautor de 10 capítulos de livros de prestigio internacional nos quais se destaca Porcine circovirus diseases na 9ª e 10ª edição do livro Diseases of Swine. Também é coautor de um livro sobre a necropsia dos suínos, bem como de três livros de casos clínicos no porco.

Curriculum actualizado: 14-Mai-2013

Artigos

Desafio da classificação taxonómica intra-específica do PCV2

Cerdos de tres meses de vida con ES-PCV2. Nótese la columna vertebral marcada, indicativa de retraso en el crecimiento y la palidez

Todas as vacinas disponíveis no mercado europeu e norte americano estão baseadas no genótipo PCV2a, ainda que os mais prevalentes sejam os PCV2b e PCV2d. Muito embora se tenha demonstrado um nível significativo de protecção cruzada entre estes três genótipos, seria interessante avaliar se a eficiência das vacinas é equivalente frente a todos estes genótipos.

... ler mais (+)

Actualização sobre a importância da infecção subclínica por circovirus suíno tipo 2 (PCV2)

Antígenos de PCV2 detectados por inmunohistoquímica

Actualmente ainda poderão haver algumas dúvidas sobre os efetos benéficos da vacina contra o PCV2, tanto no aspecto clínico como económico nas infecções subclínicas de leitões, mas… qual é o papel da porca? é possível que a vacinação possa ter efeitos positivos na infecção subclínica das porcas?

... ler mais (+)