Leia este artigo em:

Efeitos da suplementação com monohidrato de creatina e ácido guanidinoacético em porcos de acabamento

O objectivo do presente estudo foi avaliar os efeitos da suplementação com CMH e GAA sobre o crescimento, a qualidade da carne e o metabolismo da creatina em suínos em acabamento.

5ª feira 3 Janeiro 2019 (há 5 meses 14 dias)
gosto

Tem sido relatado que a suplementação com ácido guanidinoacético (GAA) aumenta o pH muscular, melhora a cor e diminui a perda por gotejamento e o valor da força de corte da carne de porco. Por outro lado, sabe-se também que os suplementos dietéticos de creatina monohidratada (CMH) melhoram a qualidade da carne de porco.

O objectivo do presente estudo foi avaliar os efeitos da suplementação com CMH e GAA sobre o crescimento, a qualidade da carne e o metabolismo da creatina em suínos em acabamento. Para este propósito, 180 porcos machos (Duroc x Landrace x Yorkshire) foram pesados individualmente (90,88 ± 2,91 kg) e distribuídos aleatoriamente em três grupos de tratamento: grupo controlo alimentado com dieta basal, grupo CMH alimentado com dieta basal suplementada com 0,8% CMH e grupo GAA alimentado com a dieta basal suplementada com 0,1% de GAA.

Em relação ao rendimento de crescimento, o tratamento com CMH aumentou o consumo médio diário em comparação ao grupo controlo, enquanto o tratamento com GAA aumentou tanto o consumo médio diário como o ganho médio diário.

Em relação aos parâmetros de qualidade da carne, o uso de tratamentos com CMH e GAA mostraram um aumento do pH45 , uma maior solubilidade da proteína miofibrilar e do nível de expressão do ARNm de calpaína 1 e uma diminuição das perdas por gotejamento e do valor da força de corte no longissimus dorsi. Além disso, a suplementação com CMH e GAA aumentou as concentrações de creatina e fosfocreatina e as expressões de ARNm de guanidinoacetato N-metiltransferase (GAMT) e o transportador de creatina e diminuiu as expressões de ARNm de arginina:glicina amidinotransferase nos rins, o que indica que a suplementação com CMH e GAA poderão promover a síntese de creatina e inibir a síntese de GAA.

Em conclusão, o presente estudo demonstrou que a suplementação dietética com CMH e GAA pode melhorar o rendimento do crescimento e aumentar a concentração de creatina e fosfocreatina em porcos de acabamento. Além disso, o tratamento com CMH e GAA afectou a qualidade da carne ao melhorar o valor do pH, a capacidade de retenção de água e a maciez ao aumentar a solubilidade da proteína e as expressões do ARNm de CAPN1.

Li, J., Zhang, L., Fu, Y., Li, Y., Jiang, Y., Zhou, G., and Gao, F. Creatine Monohydrate and Guanidinoacetic Acid Supplementation Affects the Growth Performance, Meat Quality, and Creatine Metabolism of Finishing Pigs. Journal of agricultural and food chemistry 66.38 (2018): 9952-9959. https://doi.org/10.1021/acs.jafc.8b02534

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags