Leia este artigo em:

Fontes e níveis de Zinco dietético em porcos de engorda

O objectivo deste estudo foi determinar os efeitos da fonte e do nível de Zn sobre o rendimento do crescimento e as características da carcaça de porcos em condições comerciais.

6ª feira 2 Agosto 2019 (há 17 dias)
gosto

Os suplementos de zinco (Zn) na nutrição de porcos são muitas vezes considerados a única fonte de Zn adicionada devido à baixa disponibilidade deste mineral nos ingredientes que compõem o alimento. O Zn é frequentemente incluído em dietas através de fontes inorgânicas, como o óxido de Zn e o sulfato de Zn, embora recentemente também esteja disponível em novas fontes, como o hidroxicloreto de Zn.

O objectivo deste estudo foi determinar os efeitos da fonte e do nível de Zn sobre o rendimento do crescimento e as características da carcaça de porcos em condições comerciais.

Com esse propósito, um total de 1980 porcos foram divididos em dois grupos: um primeiro grupo com 1008 porcos e um segundo grupo com 972 porcos. Os porcos, com um peso corporal inicial médio (PC) de 33,3 ± 0,55 kg, foram usados num ensaio de crescimento de 103 dias ou 104 dias nos grupos 1 e 2, respectivamente. Os tratamentos foram organizados de acordo com um desenho factorial 2 × 3 com duas fontes de Zn adicionadas: Zn hidroxicloreto (ZnHyd) ou Zn sulfato (ZnSO4), e 3 níveis de Zn (50, 100 ou 150 mg / kg). Todas as dietas continham uma pré-mistura de vitaminas e oligoelementos sem Zn e forneceram 76 e 162 mg / kg de Fe e Cu, respectivamente. O ganho médio diário (GMD), o consumo médio diário de alimentos (IMD) e a taxa de conversão (I: G) foram medidos pela pesagem dos porcos a cada duas semanas. Finalmente, ao final do estudo, os porcos foram abatidos e foram registados o peso da carcaça quente (PCC), a espessura da gordura dorsal, a espessura do lombo e a percentagem de tecido magro.

Como resultado, em geral não houve evidência dos efeitos interactivos da fonte ou nível de Zn sobre o rendimento de crescimento e as características da carcaça durante este estudo. Os porcos alimentados com dietas com níveis aumentados de Zn adicionado mostraram uma tendência a uma resposta quadrática em GMD, com o maior GMD observado em 100 mg / kg de Zn. Houve uma melhoria linear no rendimento da carcaça e uma resposta quadrática no PCC, onde foi observado que os porcos alimentados com 100 mg / kg de Zn apresentaram os maiores valores de PCC. Os porcos alimentados com dietas contendo ZnHyd apresentaram melhor rendimento de carcaça e tendência a maior PCC em comparação com porcos alimentados com ZnSO4.

Em conclusão, foram observadas pequenas melhorias no GMD em porcos alimentados com adição de Zn com níveis superiores a 50 mg / kg, sugerindo que o fornecimento de níveis mais elevados de Zn adicionado poderia melhorar as características de carcaça. Além disso, os rendimentos de PCC e carcaça também melhoraram, fornecendo níveis mais altos de Zn, especialmente quando a fonte usada era ZnHyd.

Cemin, H. S., Carpenter, C. B., Woodworth, J. C., Tokach, M. D., Dritz, S. S., DeRouchey, J. M., Goodband, R. D., & Usry, J. L. (2019). Effects of zinc source and level on growth performance and carcass characteristics of finishing pigs. Translational Animal Science, 3(2), 742-748. https://doi.org/10.1093/tas/txz071

ver mais artigos relacionados com o artigo

Comentários ao artigo

Este espaço não é uma zona de consultas aos autores dos artigos mas sim um local de discussão aberto a todos os utilizadores de 3tres3
Insere um novo comentário

Para fazeres comentários tens que ser utilizador registado da 3tres3 e fazer login

Ainda não és utilizador registado de 333?regista-tee acede a preços dos porcos, pesquisador, ...
É gratuito e rápido
Já estás registado na 333?LOGINSe esqueceste a tua password nós enviamos novamente aqui

tags